A Pepsi é uma das maiores empresas de bebidas do mundo e está constantemente buscando novas maneiras de atingir seu público-alvo. Em 2013, a empresa lançou uma nova campanha publicitária que contou com a presença do renomado cantor Bruno Mars.

Mars, que já era conhecido por seus hits de sucesso, como “Just the Way You Are” e “Grenade”, se associou à Pepsi para promover uma nova linha de bebidas com sabor de frutas. Mas o que realmente chamou a atenção foi a maneira como ele “crashou” a campanha publicitária.

O termo “crashou” é utilizado quando alguém tenta se inserir de forma espontânea em um evento ou situação. E foi exatamente isso que Bruno Mars fez. Ele apareceu sem aviso nos bastidores da gravação do comercial da Pepsi e acabou roubando a cena.

Este foi apenas o começo da estratégia de sucesso da Pepsi em associação com o cantor. A empresa decidiu aproveitar a influência de Mars e criar uma série de ações publicitárias que envolviam o artista, como a realização de shows exclusivos e a venda de produtos com sua imagem.

A Pepsi não só obteve um grande sucesso com a campanha como também aumentou significativamente sua visibilidade no mercado. A associação com um artista renomado e o uso do termo crashou gerou um buzz nas redes sociais e ajudou a alavancar as vendas da nova linha de bebidas.

Bruno Mars, por sua vez, também se beneficiou da parceria com a Pepsi, já que o sucesso das ações publicitárias o tornou ainda mais famoso e aumentou sua base de fãs.

Em conclusão, a estratégia de associar-se a celebridades é uma técnica que pode trazer grandes benefícios às empresas. A Pepsi utilizou essa estratégia de maneira inteligente ao aproveitar a presença de Bruno Mars e transformá-la em uma campanha publicitária de sucesso. O uso da palavra crashou tornou-se um sinônimo de ousadia e espontaneidade, que se tornaram características associadas à marca Pepsi. É seguro dizer que esta campanha ajudou a fortalecer ainda mais a imagem da Pepsi no mercado.